15 dezembro 2011

Raças: Possuídos

Subdivisões:

Efreets

Djins

Possuídos no geral


Efreets: (Devido à dificuldade de identificar um Elemental Possuído, por causa da inexistência de luta entre a mente do Daeva e do Elemental, não é possível dar um nome de acordo com os olhos)

Características Físicas:

Características do Elemental possuído, apenas os olhos adquirindo um brilho maléfico pelo que dizem.


Características Psicológicas:



Egos gigantescos

Fáceis de irritar

Relativamente pacientes

Gostam de explodir as coisas usando os poderes do Elemental possuído

Fiéis à Ahriman até o último fio de cabelo

Só são exorcizados à base de muita magia e oração


Djins (Conhecidos como PeinEyes, por causa da sensação que os olhos provocam devido ao Daeva tentando fugir)

Características Físicas:

Características provindas do possuído

Olhos de um azul claro e com um brilho doloroso, vindo do Daeva

Pele coberta com símbolos da Teia e outros, para impedir o Daeva de fugir




Características Psicológicas:

Loucos por causa do conflito entre a mente do possuído e do demônio

Dependendo de quem é o feiticeiro que obrigou o Daeva a possuí-lo, podemos ter um Djin terrivelmente fiel à Ahriman e demônios de alto posto

Se for o caso mencionado acima, o Djin pode trabalhar para algum Demônio de alto posto que faz pactos, encaminhando vítimas (geralmente humanas) para o mesmo

Pacientes

Difíceis de irritar

Só são exorcizados se os olhos forem refletidos


Possuídos no Geral: (nome em inglês depende do demônio que o possuiu)

Características Físicas:

Características do possuído

Olhos da cor do demônio que o possuiu


Características Psicológicas:

Completamente loucos por causa da resistência da mente do possuído

Só podem ser exorcizados à base de muita magia e oração

Símbolos ditos sagrados pela ICAR e pelo cinema NÃO FUNCIONAM, só o nome de Deus e Jesus funcionam.


Características pertinentes à ambos:

Sociedade:

Não estão inseridos numa sociedade


Maior afinidade: Maldições, Palavras de Poder e a afinidade natural do Elemental possuído.


Atração Natural: Devido à dominação da mente do Daeva: Gnomos, qualquer demônio de alto posto e Súcubos e Íncubus.


Dom Natural: O dom natural do demônio fica trancado e predomina o do Possuído. Exceto o conhecimento de várias línguas: é o único dom natural do demônio que permanece. Mesmo quando o possuído é um humano, ele possui certas habilidades trancadas porque humanos sangue-puro (e nesse caso, sem nenhum talento mágico) nunca são possuídos devido à uma proteção natural. E o demônio se aproveita dessas habilidades do humano.


Curiosidades: Os Djins não são capazes de se transformar em fumaça e entrar numa lâmpada, embora gostem de lugares escuros e “realizem desejos” (te encaminham pra fazer um pacto com um demônio). Quem se transforma em fumaça e se esconde em lâmpadas são os Azuras, que realizam desejos tendo um pagamento: a alma do pedinte (pobre Aladim...).

Efreets são resultados de um Daeva possuir um Elemental. Ambos são poderosos, a consciência do Daeva predomina e o corpo do Elemental é fechado, não deixando o demônio sair. O resultado é esse: um ser muito poderoso e fiel à Ahriman.

Humanos só podem exorcizar caso tenham certas habilidades mágicas devido à mescla de sangue, ou no caso dos sangue-puro, se forem realmente crentes da pesada e orarem e pedirem muuuuito à Deus.