24 agosto 2016

Semana Incipiens! - Dia 3



Heeeei, povo! Dando continuação à Semana Incipiens, hoje temos entrevista com a autora! :D Bem curtinha porque minha criatividade para entrevista é -1, mas as gente descobre algumas coisas bem legais sobre a saga :)


Gabi: Primeiramente, boa tarde, Jéssica. E segundamente eu vou direto para a pergunta que está me engolindo desde quando descobri o livro: Como a saga surgiu?
Jéssica: Em um sonho maluco? Rsrs. Sonhei com uma garota perdida em mundo cheio de magia, onde ela aprendia a lidar com tudo, e crescia. O resto eu criei em cima desta ideia inicial, mas, no fim Alice criou vida e fez   o próprio caminho.

G: Ainda não li o livro e sou noob em seu universo, por isso, tenho outra pergunta: De onde vem o nome “Incipiens”? É um termo construído que tem significado dentro do livro ou o quê?
J: Incipiens é Latim, e significa iniciante/aprendiz. E tem tudo a ver com a trama, e como ela se desenrola.

G: Eu sou uma pessoa curiosa por natureza. Como os personagens principais de Incipiens surgiram?
R: Victor sempre esteve lá, uma sombra pairando ao lado de Alice. Levou algum tempo para que eu decidisse o que fazer, como ele iria agir, e onde ele iria acabar. Alice foi mais fácil, ela nasceu pronta, cheia de vontades, e teimosa feito uma porta. Filipe nasceu pronto, mas, foi mudando a medida que eu escrevia, inventei dois finais para ele, mas, ainda não sei bem o que fazer. rsrs

G: Em sua biografia, você fala que Incipiens é o primeiro livro publicado, mas não escrito. Pode falar um pouquinho sobre esses outros livros escritos?
J: Eu tenho uma lista gigante. Estou revisando a e reestruturando a maioria delas. Estou escrevendo três histórias no momento, com duas delas sendo postadas no Wattpad. “A Escolhida” que conta a história de Lunna, uma garota que descobre ser a peça chave de um complexo quebra-cabeça, e a possível líder de varias matilhas, e essas matilhas vão lutar com unhas e dentes para possuir essa garota especial. “ A Única Exceção” conta a história de Melissa uma jovem que desistiu de acreditar no amor, depois de ver o pai se acabar no álcool pela mãe que fugiu um belo dia, sem nenhuma explicação. Ela então se isola, e constrói  um muro ao seu redor, e não se relaciona com ninguém. Mas, uma surpresa vai virar sua vida de cabeça para baixo.

G: Saindo um pouco do assunto “escrita” e entrando em leitura, quais os seus autores favoritos e que possivelmente são também suas maiores influências na escrita?
J: Agatha Christie é uma autora a quem admiro, mas, a escrita dela não influenciou a minha, uma vez que segui o caminho contrário. Não posso dizer que algum autor me influenciou, acho que me tornei uma mistura de tudo que li e vi.

G: E pra encerrar a entrevista, Jéssica: tem algum conselho que você gostaria de compartilhar com os escritores que estão apenas começando?
J: Escreva com o coração, e nunca desista. Acredite em si mesmo, e jamais deixe de se aprimorar.



Eu não sei vocês, mas essa entrevista me deixou ainda mais no hype pra ler não apenas Incipiens, mas os outros livros da Jéssica S2


Link para o livro no Skoob: https://www.skoob.com.br/livro/597376ED598881
Twitter: @97tardelli
Instagram: jessyaudax
FanpageOficial: https://www.facebook.com/IncipiensSaga/