20 novembro 2016

Música: Voices of Destiny - Crisis Cult



Voices of Destiny é uma banda que eu descobri recentemente com o álbum que vou "surtar" aqui, Crisis Cult; simplesmente olhei pra capa, essa coisa meio Shaman com capa de lobo e pensei "A minha cara, vou ouvir".

Uma das melhores decisões que já fiz.



A banda, infelizmente, não consegui descobrir muito além de que é alemã, metal sinfônico (S2) e foi fundada em 2004. E algo que acho interessante quando olho as fotos da banda é quão normais eles parecem, quando comparados com outras bandas de metal sinfônico. Tipo... Nenhum cabeludo. Isso é raridade xD

Mas vamos ao que realmente me faz divulgar a banda aqui.

As músicas mega inspiradoras do álbum para se escrever sobre Lobisomens e afins :v Considerando que eu tenho Lobisomem em praticamente tudo de fantasia que escrevo, o álbum está frequentemente sendo tocado xD

As músicas no geral tem uma batida forte, mesclando os elementos sinfônicos e a guitarra, baixo e bateria de uma forma muito boa. Os vocais também são muito bons e se intercalam bem entre o mais lírico, feminino e suave, e o gutural na hora de formar as músicas. Cada música é um prato cheio de inspiração.

Vamos começar com Wolfpack (Alcateia), vamos? :v

A música num todo meio que acaba usando aquela frase "O homem é o lobo do homem": o termo "Alcateia", pelo menos na minha interpretação, não se referem à lobo literais, mas sim ao homem. A forma como a letra da música é guiada me dá essa impressão. E a melodia e os instrumentos combinam muito bem com a letra.

The devil may care in the age of sustainability
For we only learn through catastrophes and casualties

"O diabo pode se preocupar na era da sustentabilidade
Porque nós aprendemos apenas através de catástrofes e mortes"


Depois vem The Easy Prey (A Presa Fácil), que foi usada como inspiração pro meu conto do Desafio de Outubro do Sem Título (ainda está sendo revisado pela minha editora no grupo. Aparentemente a internet está atrapalhando a vida de todo mundo no grupo esse mês, porque ninguém postou seu conto ainda :( ). A música fala, basicamente, de alguém fêmea sendo perseguido por um grupo de lobos. Lobos literais ou metafóricos? Uma boa pergunta. Mas a letra dá a impressão de que a perseguição é assistida e determinada parte coloca sorrisos vis nos tais lobos, e "alguém" pede para Deus poupá-la do dano. Me faz pensar que chamar de lobos os perseguidores é uma metáfora. Qual o sentido real da música então? Deixo para vocês descobrirem.


And you can't even bear to look
While you're dying to see what's next
Who's next to take her place
Make yourself a sheep and welcome the wolves

"E você não consegue sequer olhar
Enquanto você está morrendo de vontade de ver o que vem à seguir
Quem é o próximo a tomar o lugar dela
Se transforme numa ovelha e diga 'bem-vindo' aos lobos"

A próxima música, To the Slaughter (Para o Abate/Para o Matador e similares)... Bem... Alguém que matou uma mulher de forma bem cruel pego/pega no ato do assassino. A música dá a entender, que está também sendo, de certa forma assombrado por isso. Ou alguém está forçando-o a ver o que fez. A intercalação entre partes mais forte na melodia com partes mais suaves combina muito bem com a letra.

One can tell, she must be cold with her slash wounds to the bone
Where once a shining light is now the dark inside her very soul
Well I am sure, she's cold

"Alguém pode dizer, ela deve estar com frio com seus cortes até os ossos
Onde antes uma luz brilhante agora existe a escuridão dentro da alma dela
Bem tenho certeza, ela está com frio"

A próxima canção é 21 Heroes (21 Heróis), e enquanto as músicas anteriores carregavam uma melodia que falava de violência, essa consegue passar a sensação mais de "Heroicidade". A música é basicamente perfeita pra ser trilha sonora de jogos de RPG; ela conta muito bem sobre a questão de "Profecias de heróis" que no momento que precisam se mostram "falhas" e então alguém se ergue para falar "Se nós não fizermos isso, já era. Vamos lá". E aí viram os heróis. Para quem leu a trilogia "Feita de Fumaça e Osso", o fim mexe um pouco nisso.

No more turning a blind eye to the weak
I want to hear you say; we go all out!
If not now the when to change?
We're the heroes

"Nunca mais ignorar os fracos
Eu quero ouvir você dizer; nós todos vamos sair!
Se não agora quando mudar?
Nós somos os heróis"

A música seguinte, At the Edge (Na borda), muda drasticamente de algo mais agitado para algo mais melancólico. Em melodia e letra. Fala sobre uma viagem para a borda do mundo num navio. Um navio em está afundando. Considerando outras partes da música, uma possível metáfora de alguém que foi abandonado e está se matando ou algo assim? Nunca saberemos.

My ship has begun to sink
And you're tied to the mast
Dark waves, they descend on me
This breath be your last
The course is set for the edge of this world
Soon I'll reach the edge of this world

"Meu navio começou a afundar
E você está amarrado ao mastro
Ondas negras, ela descem sobre mim
Essa respiração será sua última
O curso está determinado para a borda deste mundo
Breve eu alcançarei a borda deste mundo"

E então vem Stormcrow (Corvo da Tempestade). A melodia mais forte e quase violenta está de volta. O título, embora uma referência clara à como Gandalf é chamado por Theóden sendo controlado por Saruman (Senhor dos Aneis S2), a letra puxa mais para alguém amaldiçoando outra pessoa sem uma razão explicada na música. Mas quem está amaldiçoando... É poderoso, a letra deixa claro.

You will never smile again
I'm that prophet that breaks your hopes down
Make yourself at home in hell
You're not to awaken from this nightmare

"Você nunca sorrirá de novo
Eu sou aquele profeta que estraçalha suas esperanças
Se faça confortável no inferno
Você não acordará deste pesadelo"

A próxima música é Under Control (Sobre Controle). A melodia puxa mais para algo heroico intercalado com tons mais melancólicos. Algo meio anti-herói? Por incrível que pareça, acho que é como eu chamaria o conjunto total da melodia. (Eu sou louca, eu sei) A letra... Analisando a totalidade dela, acho que estaria falando sobre um grupo com um lado selvagem (uma alcateia de lobisomens? Um grupo de assassinos? Boa pergunta), de certa forma, e sobre alguém que a comanda e mantem o lado selvagem sobre controle. Ou deveria, ao menos, porque ao longo da música é dito para ter cuidado, porque essa "besta" quer se soltar. Ótima música pra acompanhar um grupo de lobisomens perdendo o controle e se transformando, não? :v *apanha*

You're better off not following me into the darkest corners of my mind
There's beast I use to keep shut away
And it stirs when you fail me
There's a beast inside and it lies in wait
Brace yourself as it breaks free

"Você está melhor não me seguindo para os cantos mais escuros de minha mente
Existe uma besta que eu costumo manter presa longe
E ela se agita quanto você falha comigo
Existe uma besta dentro de mim e ela está sempre à espera
Se prepare enquanto ela se liberta"

E aí vem The Great Hunt (A Grande Caçada)! Ela abre com instrumentos sinfônicos num ritmo muito, muito bom, e então os demais não tão sinfônicos se juntam! A abertura dela é muito boa, e combina muito com a música! E que música! A letra fala sobre uma caçada, óbvio. Mas que tipo? O tipo de pessoas indo atrás de vingança contra aquele que roubaram algo deles. Pela música, uma mulher, ou ao menos fêmea. Pela utilização de "Howl" (uivo), talvez uma alcateia de lobos? E pelo refrão... Eles estão muito irritados. Melhor não se colocar no caminho deles. :v E no final ainda rola um "discurso" que termina com "Are you're a sheep... Or a wolf?" (Você é uma ovelha... Ou um lobo?)

You don't understand that is just to take it all back
What was stolen from us
And we take our time for time lost its weight
We take down the ones who took her away
Try to restrain the fire in our hearts and you will be burned with our enemies along
'Cause only their end will end our flame
We take down the ones who took her away
You don't understand

"Vocês não entendem que é apenas para pegar de volta tudo
Que foi roubado de nós
E nós tomamos nosso tempo porque o tempo perdeu o seu peso
Nós destruímos aqueles que a levaram
Tente restringir o fogo em nossos corações e vocês serão queimados junto com nosso inimigos
Porque apenas o fim deles extinguirá a nossa chama
Nós destruímos aqueles que a levaram
Vocês não entendem"

E aí vem Your Creation (Sua Criação), piano e voz e melancolia puras. Infelizmente, não encontrei uma letra transcrita da música, e meu ouvido ainda não é dos melhores para pegar tudo... Mas o que entendo... Gente, essa música é linda S2

Recomendo muito a banda, ou pelo menos o álbum se quiser inspiração para escrever sobre lobisomens e afins. As músicas não deixam na mão no assunto :D



Sobre a banda: https://fr.wikipedia.org/wiki/Voices_of_Destiny
As letras original: (tem uns erros de digitação) http://www.darklyrics.com/lyrics/voicesofdestiny/crisiscult.html