12 julho 2012

Trilha Sonora - Hadassa: Ich bin nich' ich wenn du nich' bei mir bist; Aine: I am the voi of your history

Não precisa fingir, eu sei que você não entendeu a parte da Hadassa xD

Então, antes de postar as músicas, quro pedir desculpa pela ausência repentina. Sem justificativas, porque se eu fosse mais responsável e menos preguiçosa eu tirava dez em todas as provas da faculdade (sonho) e já tinha terminado uns cinco livros. Mas a preguiça e a vontade de procrastinar falam mais alto. xD

Antes de postar as músicas, gostaria de mostrar esse desenho que pintei ontem procêis *-* Eu cheguei do mercado com uma vontade danada de pintar alguma coisa, mas não sabia o que... Fiquei olhando uns desenhos antigos que tinha escaneado, e achei a versão preto-e-branco antigo desse aqui, e pensei: é esse!

E taí, a linda maravilhosa perfeita... *-*

Stacy: Isso aí não tá muita puxação de saco não, Tenshi? *ciúmesdaamiga.com*

Tenshi: Fica com ciúmes não, Stacy! Eu fico assim porque se não fosse a Sarah, eu nunca teria aprendido os caminhos pra conhecer outras dimensões! Se não fosse por ela, nunca teríamos nos conhecido! ^^




Mundo Suspenso (Briguei muito com aquela coisa semi-transparente ali... Ela não queria colaborar e ficar do jeito que eu queria ¬¬)

Pronto, chega de enrolar!

Começando com a música da fofa da Hadassa *-*

Ich Bin Nicht Ich

Tokio Hotel (De novo, eu sei xD)


Meine Augen schaun mich müde an finden keinen

Trost

Ich kann mich nicht mehr mit ansehn, bin ichlos

Alles was hier mal war - kann ich nich' mehr in mir

finden

Alles weg - wie im wahn

Seh ich mich immer mehr verschwinden


Ich bin nich' ich wenn du nich' bei mir bist -

Bin ich allein

Und das was jetzt noch von mir übrig ist -

Will ich nich' sein

Draußen hängt der Himmel schief

Und an der Wand dein Abschiedsbrief

Ich bin nich' ich wenn du nich' bei mir bist -

Bin ich allein


Ich weiß nich' mehr, wer ich bin -

Und was noch wichtig ist

Das ist alles irgendwo, wo du bist

Ohne dich, durch die Nacht -

Ich kann nichts mehr in mir finden

Was hast du mit mir gemacht -

Ich seh mich immer mehr verschwinden


Ich bin nich' ich wenn du nich' bei mir bist -

Bin ich allein

Und das was jetzt noch von mir übrig ist -

Will ich nich' sein

Draußen hängt der Himmel schief

Und an der Wand dein Abschiedsbrief

Ich bin nich' ich wenn du nich' bei mir bist -

Will ich nich' mehr sein


Oh, oh...


Ich lös mich langsam auf - halt mich nich' mehr aus

Ich krieg dich einfach nich' mehr aus mir raus

Egal wo du bist - komm und rette mich


Ich bin nich' ich wenn du nicht...

bei mir bist -

Bin ich allein

Und das was jetzt noch von mir übrig ist -

Will ich nich' sein

Draußen hängt der Himmel schief

Und an der Wand dein Abschiedsbrief

Ich bin nich' ich wenn du nich' bei mir bist -

Will ich nich' mehr sein


(background)

Ich lös mich langsam auf - halt mich nich' mehr aus

Ich krieg dich einfach nich' mehr aus mir raus

Egal wo du bist - komm und rette mich

Ich bin nich' ich wenn du nicht...


Will ich nich' mehr sein



Não sou eu


Meus olhos me olham tediosos

Nunca ficam confortáveis

E dispostos

Tudo sempre foi verdade

Não me consigo achar dentro de mim

Tudo acaba em desilusão

Eu me vejo desaparecer mais e mais


Eu não sou eu quando tu não estas comigo

Eu ficarei sozinho

E tudo aquilo ainda me abandona

Não queira ser assim

Fora do paraíso suspenso inclinadamente

E na parede sou nota de adeus

Eu não sou eu quando tu nao estas comigo

Eu ficarei sozinho


Eu esqueci-me de quem sou

E o que é ainda importante?

É tudo aquilo em que tu estas

Sem ti atraves da noite

Eu nao consigo encontrar nenhuma coisa dentro de mim

Que tu tenhas feito comigo

Eu vejo-me desaparecer mais e mais


Eu não sou eu quando tu não estas comigo

Eu ficarei sozinho

E tudo aquilo ainda me abandona

Não queira ser assim

Fora do paraíso suspenso inclinadamente

E na parede sou nota de adeus

Eu não sou eu quando tu não estas comigo

Eu ficarei sozinho


Oowww uh owww


Eu estou me desintegrando lentamente

Não tentes impedir-me

Eu nao posso tirar te de mim novamente

Não importa onde você está

Vem e salva-me


Eu não sou eu quando tu não estas comigo

Eu ficarei sozinho

E tudo aquilo ainda me abandona

Não queira ser assim

Fora do paraíso suspenso inclinadamente

E na parede sou nota de adeus

Eu não sou eu quando tu não está comigo

Eu ficarei sozinho


[background]

Eu estou me desintegrando lentamente

Não tentes impedir-me

Eu não posso tirar-te de mim novamente


Não queira ser assim


[background]

Não importa onde tu estas

Vem e salva me

Eu nao sou eu quando tu estas


Não queira ser assim


Não sei se precisa de muitas explicações... Tipo... É só lembrar das visões da Stacy sobre a Hadassa antes dela conhecer o Rashne =P Eis a principal razão pra essa ser a música da Hadassa. ^^

E agora, a música da nossa Antigo favorita!!! *-*

The Voice

Celtic Woman


I hear your voice on the wind

And I hear you call out my name…


Listen, my child! you say to me,

I am the Voice of your history,

Be not afraid – come follow me,

Answer my call and I’ll set you free.


I am the Voice in the wind and the pouring rain,

I am the Voice of your hunger and pain;

I am the Voice that always is calling you,

I am the Voice – I will remain


I am the Voice in the fields when the summer’s gone,

The dance of the leaves when the autumn winds blow;

Need do I sleep throughout all the cold winter long;

I am the force that in the springtime will grow.


I am the Voice of the past that will always be,

Filled with my sorrows and blood in my fields;

I am the Voice of the future…

Bring me your peace, bring me your peace, and my wounds they will heal


I am the Voice in the wind and the pouring rain,

I am the Voice of your hunger and pain;

I am the Voice that always is calling you,

I am the Voice


I am the Voice in the past that will always be

I am the Voice of your hunger and pain;

I am the Voice of the future…

I am the Voice… I am the Voice…I am the Voice… I am the Voice.


A Voz


Ouço a sua voz no vento

E ouço-a chamar meu nome…


"Ouça, minha criança!" Você diz para mim,

"Eu sou a voz de sua história,

Não tema - venha, siga-me,

Responda meu convite e vou tornar você livre ".


Eu sou a voz do vento e da chuva torrencial,

Eu sou a voz de seu anseio e da dor;

Eu sou a voz que sempre está chamando você,

Eu sou a voz - Eu persistirei


Eu sou a voz nos domínios em que o verão acabou,

A dança das folhas no Outono, quando os ventos sopram;

Posso dormir ao longo de todo o frio do Inverno;

Eu sou a força que na primavera vai crescer.


Eu sou a voz do passado que será sempre,

Pleno em meu sofrimento e com meu sangue em meus campos

Eu sou a voz do futuro…

Traga-me a sua paz, traga a sua paz, e as minhas feridas irão cicatrizar


Eu sou a voz do vento e da chuva torrencial,

Eu sou a voz do seu anseio e da dor;

Eu sou a voz que sempre está chamando você,

Eu sou a voz


Eu sou a voz no passado que será sempre

Eu sou a voz do anseio e da dor;

Eu sou a voz do futuro…

Eu sou a voz… Eu sou a voz... Eu sou a voz... Eu sou a voz...
All right, vamos explicar.

Aine sempre fala pra Stacy sobre o futuro, sobre ela ter de crescer, ficar mais forte... Não sei explicar direito, mas essa música me faz pensar não apenas na Aine, mas em quase todos os Antigos de Sangue dos Antigos. Tipo, sobre ela ser a voz do futuro, sem comentários, já que ela vê o futuro... E todo o resto me faz pensar nela. Não sei se com vocês é do mesmo jeito, mas, enfim...

This is it!

Outro dia volto pra encher o saco de vocês xD

Beijos de Fadas!