11 novembro 2011

Último Dia de Aula

Tá, nem sei direito o que vim fazer aqui...

Mas, bem, minhas aulas acabaram hoje...

Ao mesmo tempo que to feliz porque vou dormir até mais tarde e não vou mais ver a cara dos militares, to mega triste porque não sei quando vou ver de novo esse povo que estudou por três anos comigo... Todo mundo passando pelo mesmo todo santo dia, cinco dias por semana: a enxeção de saco do Marcelo (mas eu gosto dele, esse cara é muito legal, vai deixar saudade), as meninas de TPM, o jeito “machão” da Pri, o jeito de minininha da Ananda, o povo aprontando poucas e boas pra me tirar da minha soneca (ou só aprontando mesmo sem fim específico), a Jéssica e o Higor “brigando” (embora eu, o Caixa d’água(1) e o Zé(2) tenhamos certeza de que eles vão casar u.u), eu e o Àtoa(3) chamando um ao outro de Àtoa, a Bianca com seus “sem contatos físicos” (mas foi uma das que mais abraçou o povo), enfim, tanta coisa, mas tanta coisa... É difícil dizer adeus à essa parte da vida...

E o típico evento de assinar camisetas... Eu não tinha ideia do que assinar na camiseta do povo. Não por falta de palavras, mas porque elas eram muitas... Não estava conseguindo colocar em poucas palavras o que sentia pelo povo... Até que surgiram duas palavrinhas que, à meu ver, conseguiram dizer o quanto vou sentir falta deles e cada um sempre vai estar em meus pensamentos, como sempre estiveram desde que os conheci, e sempre vou continuar torcendo pelo sucesso de todos: Te dolu. Dolu todos vocês, não importa se os conheço pela internet ou cara a cara. Sempre, sempre, sempre, vou torcer pelo sucesso e pela felicidade de vocês. E o que mais me emocionou foi chegar em casa e ir ler minha camiseta (o povo só tinha assinado nas costas xD) e ver que vários mencionaram o fato de eu desenhar ou escrever. Caramba, não era sempre que eu mencionava minhas histórias, e eles lembrarem me deixou, assim... Caramba, eu tinha conseguido não chorar, mas nessa hora não deu: as lágrimas vieram.

Bem, acho que é só isso...

Deixa eu ir enxugar as lágrimas...

Beijos de Fadas!
 
1- O nome dele é César. Não tenho ideia de onde surgiu esse apelido.
 
2- O Filipe. Nada haver, eu sei, e também não sei de onde saiu.
 
3- O Márcio. "Àtoa" porque falamon que nós dois não fazemos nada xD Eu que dei esse apelido =P